A Teoria Neomalthusiana é uma teoria demográfica criada na segunda metade do século XX, como uma releitura da Teoria Malthusiana, que tem como ponto elementar a preocupação com o crescimento populacional exacerbado. Os neomalthusianos argumentam que o crescimento demográfico gera a ampliação da pobreza. A Teoria Neomalthusiana defende o controle populacional por meio, dentre outras vias, da adoção de políticas de planejamento familiar e da utilização de métodos contraceptivos.

Assim como a Teoria Malthusiana, a Teoria Neomalthusiana é considerada uma teoria alarmista. Elas foram constantemente confrontadas pela Teoria Reformista, que determina que a pobreza é a principal causa do crescimento populacional exacerbado. Tais teorias foram fundamentais para o desenvolvimento dos estudos em Geografia da População.

Geografia

  • Tá numa
  • Tá doce
  • Tá fofo
  • Tô malaique
  • Tô chocado
  • Mambo gato